segunda-feira, 22 de maio de 2017

"Não faz sentido querer abrigo agora se você não quer ficar."

segunda-feira, 22 de maio de 2017

você me disse que eu te pertencia, minha alma sorriu, mas o coração desconfiou.
não dá pra ser completa enquanto você levou uma parte de mim e continua levando sempre que volta, cê me tira da órbita e eu já não sei mais o que fazer.
tempos atrás você não fazia parte dos meus pensamentos, porém apareceu dizendo que me ama e me pertence, me transformei em líquido. de novo o ponto fraco foi atingido e a casquinha foi tirada bruscamente. eu já tinha vidas arquitetada, rumos certos, entretanto a sua presença veio igual furação e me bagunçou inteira.
você estendeu a tua mão eu fui porque não sei te recusar, me levou para eu ver as luzes da cidade pequenininhas naquele lugar tão nosso. cê me despiu o corpo e a alma, me entreguei de novo esquecendo todas as consequências. me esqueci que você é furação e que tá tudo bagunçado aqui dentro. a tua voz dizendo que ama fica rodando minha cabeça sem parar  sequer um minuto.
tenho medo de você quebrar as paredes que construí durante esse tempo todo, cê deixa os meus batimentos  descompassados e os pensamentos atordoados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

disorder © 2014