segunda-feira, 25 de agosto de 2014

my baby shot me down

segunda-feira, 25 de agosto de 2014
meu amor me acertou em cheio com uma tacada só, me fez crer que a solidão é a única que me acompanha e os prantos são inúteis. ele me acertou e eu me senti como Júlio César, "até tu Brutus?", de vez em quando posso sentir seus olhos me fitando, mas tudo não passa de um devaneio. Sou uma miserável solitária que dança valsa com a tristeza e que perdeu todas as esperanças no amor depois que ele me acertou, não sei por qual razão ele se foi, éramos como Elvis e Priscilla Presley. quando ele se foi ouvi um barulho terrível por dentro de mim, ele me acertou tão friamente que nem se deu conta que eu pedi para que voltasse.
disorder © 2014