terça-feira, 29 de maio de 2012

Londres, 30 de Outubro de 1993.

terça-feira, 29 de maio de 2012


Caro companheiro, ou melhor, dizendo, ex, ex-companheiro, queria lhe dizer -sem rebaixamentos- que desde a sua partida não sou mais a mesma, me encontro triste, isolada de toda a felicidade que há no mundo, sei que estou sendo dramática de mais com estás palavras que escrevo, mas é apenas o estado como meu coração se encontra.
Enfim, sem mais delongas, vou lhe dizer que te quero novamente, lhe suplico, perdoe-me por todo sofrimento que lhe causei, estou profundamente arrependida.
Meus amigos estão me dizendo à todo momento que estou melancólica e nostálgica de mais, sei que errei, afinal de contas, todos erram, não é mesmo?!
Mas, estou aqui lhe pedindo o perdão, lhe dizendo em linhas tudo o que sinto, esperando uma boa resposta, mas me preparando para a ruim.
                        
                                                                          Atenciosamente, Alice. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

disorder © 2014