quinta-feira, 10 de maio de 2012

quinta-feira, 10 de maio de 2012


Não sei como, mas não consigo seguir em frente não consigo segurar a máscara, não consigo mais fingir, fingir que está tudo bem, que não estou ligando se você está com outra ou não. Mas infelizmente vejo que você seguiu em frente, colocou outra em meu lugar, e vejo o que todos comentam você realmente sente algo por ela, algo que nunca sentiu por mim, algo diferente, sincero, ás vezes acho que você não sentia nada por mim, só ficava comigo por pena ou diversão. Talvez devesse parar de me importar com você, mas o amor que sinto é mais forte que os meus critérios. Queria ser como você, talvez assim não estivesse sofrendo tanto neste momento, não é tão fácil quanto parece esquecer alguém, ainda, mas quando esse alguém é o amor da sua vida, seria bem melhor se o meu coração se esquecesse de ti definitivamente, e as memórias que me fazem sofrer se apagassem. É cansativo te amar mesmo sabendo que você não liga para o que eu sinto. Se você soubesse o quão torturador foi-te ver partindo aos poucos sem poder fazer nada, e todas as noites que passei em claro chorando, tentando entender o porquê de ter sido você que o meu coração escolheu. Mas você ainda preferiria outra.


Larissa Christofoletti (lovemorethanfucking) and Giovanna Franco (death-fucking)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

disorder © 2014